Godlike Productions - Conspiracy Forum
Users Online Now: 1,268 (Who's On?)Visitors Today: 373,295
Pageviews Today: 543,843Threads Today: 156Posts Today: 2,837
05:54 AM


Back to Forum
Back to Forum
Back to Thread
Back to Thread
REPORT COPYRIGHT VIOLATION IN REPLY
Message Subject EPIC STORM TO PORTUGAL AND NORTH SPAIN!!! RED ALLERT JUST NOW!!! Min Pressure 967.8 hPa!!!
Poster Handle Anonymous Coward
Post Content
AVISO À POPULAÇÃO
No02/2013
18 de janeiro| 14h40
PRECIPITAÇÃO, VENTO FORTE E AGITAÇÃO MARÍTIMA
- ELEVAÇÃO DO ESTADO DE ALERTA -
De acordo com a informação meteorológica disponibilizada pelo
Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se um
agravamento das condições meteorológicas para as próximas 48h
havendo a salientar:




Ocorrência de vento forte a muito forte, do quadrante oeste
com rajadas que poderão superar os 120km/h, nas regiões do
litoral e terras altas, sendo expectável que o período mais
crítico tenha lugar na madrugada e manhã de Sábado.
Precipitação persistente nas regiões do Norte e Centro,
podendo chegar aos 40mm/6h.
Agitação marítima poderá atingir os 7m no litoral Oeste e o
5m de SW na costa Sul.
Espera-se que a preia-mar ocorra por volta das 08h30.
Acompanhe as previsões meteorológicas em www.ipma.pt
EFEITOS EXPECTÁVEIS
Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:
 Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água;
 Possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos
sistemas de drenagem;
 Possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis;
 Danos em estruturas montadas ou suspensas;
 Possíveis acidentes na orla costeira;
 Inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem.
(continua na página seguinte)
1/2
MEDIDAS PREVENTIVAS
A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de
comportamentos adequados, pelo que, e em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, se
recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações,
nomeadamente:

Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros
objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;

Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível
formação de lençóis de água nas vias;

Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos
no pavimento ou caixas de esgoto abertas;

Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras
estruturas suspensas;

Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais
vulneráveis a inundações rápidas;

Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e
passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos na orla marítima;

Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.
Face à presente previsão, a ANPC eleva o Estado de Alerta Especial (EAE), no Nível LARANJA, do Sistema
Integrado de Operações de Socorro (SIOPS) para o Dispositivo Integrado de Operações de Protecção e
Socorro (DIOPS) para os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria, Lisboa e
Setúbal entre as 18h00 de 18JAN2013 e as 20H00 de 19JAN13 e o Estado de Alerta Especial (EAE), no
Nível AMARELO no mesmo período, para os restantes distritos.
A ELEVAÇÃO do EAE pressupõe um incremento da monitorização e a intensificação, por parte do
dispositivo de resposta, de ações preparatórias para eventuais intervenções.
www.prociv.pt
 
Please verify you're human:




Reason for copyright violation:



News